Atlético elimina Londrina nos pênaltis e garante Atletiba na final do Campeonato Paranaense

O Atlético está classificado para a grande final do Campeonato Paranaense pelo segundo ano consecutivo. Depois de vencer a partida de ida por 2 a 1, o Rubro-Negro perdeu para o Londrina pelo mesmo placar e ganhou nas penalidades máximas por 5 a 3.

Nicolas-23-04-2017

No tempo normal, o Tubarão abriu dois gols de vantagem com Paulo Rangel e Celsinho e obrigou o Atlético a mudar de postura em campo. Faltando pouco tempo para o final da partida, Nicolas descontou e levou para os pênaltis. Nas cobranças, o Furacão acertou todas as cobranças e Rafael Gava mandou na trave a quarta cobrança do Londrina.

Agora, o Atlético decide mais uma vez o Campeonato Paranaense contra o rival Coritiba. A primeira partida será no próximo domingo (30), na Arena da Baixada, e a volta acontecerá no estádio Couto Pereira, em 07 de maio.

Tubarão abre o placar no primeiro tempo

Em protesto por todos os problemas no estadual, o Rubro-Negro entrou em campo com uma equipe reserva e surpreendeu em também ao escalar três zagueiros. Com bola rolando, o Londrina foi para o ataque e quase abriu o placar aos 18 minutos em chute de Igor Bosel que o goleiro Santos fez firme defesa.

Aos 26, Santos mais uma vez salvou o Atlético e buscou no ângulo a cabeçada de Paulo Rangel. Porém, aos 38, o goleiro atleticano não conseguiu evitar o primeiro gol do Tubarão. Celsinho fez grande jogada pelo lado esquerdo e cruzou na cabeça de Paulo Rangel que mandou para o fundo das redes.

Londrina amplia, mas Atlético leva a decisão para os pênaltis

O Londrina voltou melhor para o segundo tempo e rapidamente ampliou a vantagem logo aos seis minutos. Celsinho fez grande jogada pela direita, invade a área e chuta cruzado. O goleiro Santos ainda desvia na bola, mas não evita mais um gol.

Já aos 14, o Tubarão perdeu a grande chance para confirmar a classificação, mas Yaya mandou na trave e Paulo Rangel mandou para fora no rebote. Ainda com esperanças de se manter vivo, o técnico Bruno Pivetti colocou Nicolas e Yago em campo e a entrada da dupla mudou o panorama da partida. Aos 35 minutos, Matheus Anjos encontrou Luis Henrique que deu belo passe para Renan Paulino que deixou o Atlético vivo na competição.

Atlético garante a classificação nos pênaltis

Nas cobranças de pênaltis, o Rubro-Negro teve 100% de aproveitamento com João Pedro, Nicolas, Iago, Cascardo e Luis Henrique. Já o Londrina acertou três pênaltis, mas perdeu a quarta cobrança com Rafael Gava que mandou na trave.

FICHA TÉCNICA
LONDRINA (3)2X1(5) ATLÉTICO

Local: Estádio do Café, em Londrina (PR).
Data: 23 de abril de 2017.
Horário: 16h.
Árbitro: Rafael Traci (PR).
Assistentes: João Fábio Machado Brischiliari (PR) e Maurício José Braga (PR).

Londrina: César; Igor Bosel, Matheus, Marcondes e Ayrton (Igor Miranda); Germano (Ícaro), Rafael Gava, Celsinho e Fabinho (Marcinho); Yaya e Paulo Rangel.
Técnico: Cláudio Tencati.

Atlético: Santos; Wanderson, Marcão e Zé Ivaldo; Cascardo, Luiz Otávio (Matheus Anjos), Renan Paulino, João Paulo e Renan Lodi (Yago); Crysan (Nicolas) e Luis Henrique.
Técnico: Bruno Pivetti.

Cartões amarelos: Marcão (CAP); Celsinho (LEC).
Gols: Celsinho (LEC), aos 38′ do primeiro tempo, Celsinho (LEC), aos 6′ do segundo tempo, e Renan Paulino (CAP), aos 35′ do segundo tempo.

Com informações do Banda B.