Guerra tem lesão constatada e desfalca Palmeiras por quatro semanas

O meia Guerra vai desfalcar o Palmeiras por quatro semanas após sofrer uma luxação acromioclavicular. O venezuelano machucou o ombro no treino de terça-feira após receber uma entrada quando arrancava com a bola em velocidade. Ele recebeu atendimento médico imediatamente e nesta quarta-feira foi constatada a lesão.

“A gente tem algumas regras no treino que serve não só para evitar lesões como para qualificar a parte defensiva. A lesão do Guerra foi acidental mesmo, porque ele cai com a palma da mão no chão e faz o movimento no ombro. Não foi pancada ou chegada mais forte. Teve um contato de braço, não foi com a parte inferior do corpo. Deu um pouco de azar”, explicou o técnico Alberto Valentim.

Assim, Guerra não estará em campo nesta quinta-feira, pela 29ª rodada do Campeonato Brasileiro, contra a Ponte Preta, e deve desfalcar o time contra Grêmio, Cruzeiro, Corinthians, Vitória, Flamengo e provavelmente Sport. Se tudo correr bem, ele retornará apenas no dia 20 de novembro, contra o Avaí, na Ressacada.

Esta não é a primeira lesão de Guerra na temporada. Ele se machucou na Copa Libertadores, por exemplo, e desfalcou o time. Apesar de ter tido boas atuações em algumas partidas, não conseguiu ter uma grande sequência no time e acabou perdendo espaço, ainda mais depois do retorno de Moisés, mesmo os dois não desempenhando as mesmas funções.

Com Informações do Taroba News.